Notícias

08/07/2015 09h05
Veja o melhor horário para pegar a estrada neste feriado

O movimento nas estradas deve aumentar a partir desta quarta-feira, por causa do feriado do Dia da Revolução Constitucionalista, comemorado em 9 de julho no Estado de São Paulo. As concessionárias de rodovias paulistas farão operações especiais durante o fim de semana prolongado. A previsão é que o tráfego de saída fique intenso na quarta-feira, das 16h às 23h, e das 5h às 14h, da quinta-feira. Já o retorno deve movimentar um maior número de veículos das 14h às 22h do domingo.

Durante o feriado, mais de 2,8 milhões de veículos devem circular pelas rodovias concedidas paulistas que têm acesso à Região Metropolitana de São Paulo. A Artesp (Agência de Transporte do Estado de São Paulo) alerta sobre os cuidados em caso de neblina, fenômeno comum nessa época do ano. Quando a visibilidade for prejudicada, o motorista deve reduzir gradualmente a velocidade e manter aceso o farol baixo – tanto de dia quanto à noite. Nunca deve parar na pista ou ligar o pisca-alerta com o veículo em movimento.

No Sistema Anchieta-Imigrantes, a estimativa é que entre 240 a 310 mil veículos utilizem as rodovias em direção ao litoral paulista, de quarta-feira a domingo. O horário de maior movimento deve ser na manhã de quinta-feira, entre 9h e meio-dia. No sentido São Paulo, os motoristas devem encontrar tráfego mais intenso das 16h às 22h de domingo.

Com previsão de 45 mil veículos durante o feriado, a Rodovia dos Tamoios terá operação especial, que começa a partir das 13h de quarta-feira. Será implantada uma faixa adicional, para a pista de descida no trecho de serra, do km 68 ao km 81.

880 mil veículos devem passar pelo Sistema Anhanguera-Bandeirantes, com movimento maior na quarta-feira, das 15h às 19h, e na quinta-feira, das 9h às 13h. No domingo, a previsão é de tráfego intenso das 12h às 21h. Na quinta-feira e no domingo, os caminhões que vão pela Rodovia dos Bandeirantes sentido capital devem utilizar a Anhanguera no trecho do km 48 ao km 23, entre Jundiaí e São Paulo, com acesso pela saída 48.

Os motoristas que vão seguir pelo Sistema Castello Branco/Raposo Tavares deverão encontrar maior movimento na quarta-feira, 5h às 23h, quinta-feira, das 7h às 14h, e no domingo, das12h às 23h. A previsão é que 600 mil veículos circulem pelo Sistema durante o feriado.

O corredor Ayrton Senna/Carvalho Pinto deve receber entre 934 e 994 mil veículos. A previsão é que o fluxo seja mais intenso das 16h às 18h, de quarta-feira, entre 10h e 12h, de quinta-feira. No domingo, o trânsito deverá ser maior entre 16h e 18h.

No Rodoanel os horários de pico são das 1h às 22h, de quarta-feira, e das 6h às 12h, de quinta-feira.

Segurança

Nesse período do ano em que aumento da incidência de neblina é importante o motorista e principalmente os motociclistas ficarem atentos às condições climáticas. A redução de visibilidade provocada pela névoa do fenômeno climático aumenta o potencial risco de acidentes. Em geral, trechos de serra e baixadas (vales) estão mais sujeitos à ocorrência de neblina. Os períodos de maior incidência são o começo da manhã e a madrugada. A Artesp também chama atenção para a importância do uso do cinto de segurança inclusive para os passageiros do banco de trás. (Imagem Jornal Metro)